Redes Sociais:
Central de Atendimento Rastrear Pedido Cadastre-se
Buscar por:
CARRINHO

Carrinho Vazio


Clique na imagem para ampliar
Epistemologia e Metodologia do Direito Cód. do Produto: 2378

Autores: Obra coletiva - Organizador: Fernando Gama de Miranda Netto


 
R$ 9,90
Até 0x - Clique e veja mais detalhes

 
Coletânea produzida por diversos autores de projeção nacional apresenta de forma sistemática os principais temas de Teoria e Filosofia do Direito, baseados na literatura estrangeira.
Reúne dezesseis artigos sobre o Direito e Conhecimento Jurídico, Direito e Crise do Ensino Jurídico, Direito e Poder, Direito e as Correntes do Pensamento Jurídico e Direito e Decisão Judicial.

O leitor ainda encontrará uma proposta de programa de metodologia do direito que poderá orientá-lo em seus estudos futuros.


Sobre os autores:

Organizador e Autor:

FERNANDO GAMA DE MIRANDA NETTO
Doutor em Direito pela Universidade Gama Filho (RJ), com período de pesquisa de um ano junto à Deutsche Hochschule für Verwaltungswissenschaften de Speyer (Alemanha) e junto ao Max-Planck-Institut (Heidelberg) com bolsa CAPES/DAAD. Professor Adjunto de Direito Processual da Universidade Federal Fluminense (UFF). Líder do Laboratório Fluminense de Estudos Processuais (LAFEP/UFF). Pesquisador externo do Grupo Observatório da Justiça Brasileira (FND/UFRJ).

Colaboradores
ALEXANDRE GARRIDO DA SILVA
Doutorando e mestre em Direito Público pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Professor Assistente de Fundamentos do Direito da Faculdade de Direito da Universidade Federal de Uberlândia (UFU). Líder do Grupo Institucional Poder Judiciário e teorias contemporâneas do Direito (UFU) e pesquisador do Grupo Observatório da Justiça Brasileira (FND/UFRJ), ambos cadastrados no CNPq.

ALEXANDRE VERONESE
Doutorando em Sociologia pelo IUPERJ e Mestre em Sociologia e Direito pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Professor do Departamento de Direito Público da Faculdade de Direito da UFF. Pesquisador Associado do Setor de Direito da Fundação Casa de Rui Barbosa.

DANIEL BRANTES FERREIRA
Doutorando e mestre em Direito Constitucional e Teoria do Estado pela PUC-Rio. Professor Substituto do Departamento de Teoria do Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

DELTON RICARDO SOARES MEIRELLES
Doutor em Direito pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Professor Adjunto de Direito Processual da Universidade Federal Fluminense (UFF). Pesquisador do Laboratório Fluminense de Estudos Processuais (LAFEP/UFF) e do Grupo Sociedade, Direito e Justiça (UFF), cadastrado no CNPq. Vice-coordenador de Graduação em Direito da UFF.

FÁBIO PERIN SHECAIRA
Doutorando em Filosofia da McMaster University (Canadá) e Mestre em Filosofia pelo Instituto de Filosofia e Ciências Sociais da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Pesquisador visitante (Visiting Research Fellow), da Faculdade de Direito da Universidade de Fordham (Nova Iorque, EUA), onde realizou pesquisa em Teoria do Direito sob a orientação do Professor BENJAMIN C. ZIPURSKY (2008).

FERNANDA ANDRADE ALMEIDA
Doutoranda e Mestre em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Professora Substituta do Departamento de Teoria do Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

JOSÉ RIBAS VIEIRA
Doutor em Direito pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e realizou Pós-Doutorado pela Universite de Montpellier I. Professor Titular de Direito Constitucional na Universidade Federal Fluminense (UFF). Professor Associado do Departamento de Direito do Estado da Faculdade Nacional de Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Professor Associado na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio). Professor Adjunto do Ibmec. Líder do Grupo Observatório da Justiça Brasileira (FND/UFRJ).

LUIZ EDUARDO FIGUEIRA
Doutor em Antropologia pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Professor Adjunto de Sociologia e Antropologia do Direito da Faculdade Nacional de Direito da UFRJ.

MARCELO DE ARAUJO
Doutor em Filosofia pela Universität Konstanz (Alemanha). Professor Adjunto de filosofia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Líder do Grupo Epistemologia e História da Ciência (UFRJ).

MARGARIDA MARIA LACOMBE CAMARGO
Doutora em Direito pela Universidade Gama Filho (RJ). Professora Adjunta do Departamento de Teoria do Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Líder do Grupo Observatório da Justiça Brasileira (FND/UFRJ). Pesquisadora da Fundação Casa de Rui Barbosa.

NOEL STRUCHINER
Doutor em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Professor dos Programas de Graduação e Pós-Graduação do Departamento de Direito da PUC-Rio. Professor Colaborador do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da PUC-Rio. Líder do Grupo Núcleo de Estudos sobre Razão, Direito e Sentimentos Morais (NERDS/PUC-Rio), cadastrado no CNPq.

RICARDO NERY FALBO
Doutor em Sociologia pelo Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro (IUPERJ), tendo realizado Pós-Doutorado na Université de Paris II com bolsa do CNPq (2008/2009). Professor Adjunto de Introdução ao Estudo do Direito e de Sociologia Jurídica (graduação) da Universidade Federal do Rio de Janeiro e Professor Adjunto de Metodologia da Pesquisa Científica (especialização), de Sociologia Jurídica (graduação) e de Sociologia Urbana e de Epistemologia das Ciências Sociais (mestrado e doutorado) da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Pesquisador do Grupo Institucional de Pesquisa Direito e Cinema (UFRJ), cadastrado no CNPq.

RODRIGO DE SOUZA TAVARES
Doutorando em Direito pela PUC-Rio e Mestre em Direito pela Universidade Gama Filho (RJ). Professor Assistente da Faculdade de Direito da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ). Pesquisador do Grupo Observatório da Justiça Brasileira (FND/UFRJ).
1 - Breve Reflexão Sobre o Problema do Trabalho de Campo em Bronislaw Malinowski e Claude Lévi-Strauss
Ricardo Nery Falbo
1. Introdução
2. Bronislaw Malinowski e o Método Funcionalista
3. Claude Lévi-Strauss e o Estruturalismo
4. Conclusão
5. Referências Bibliográficas.

2 - John Searle e a Ontologia do Mundo Social: Subsídios para Uma Teoria Acerca do Objeto do Conhecimento Jurídico
Marcelo de Araujo
1. Introdução
2. Filosofia da Sociedade
3. Objetos Socialmente Constituídos
4. Instituições Sociais.
5. Dois Aspectos de Instituições Sociais
6. A Questão da Normatividade
7. Referências Bibliográficas.

3 - Entre "Fatos" e "Provas": a Produção Judiciária da Verdade
Luiz Eduardo Figueira
1. Introdução
2. A Prova no Discurso Jurídico
3. A Construção Jurídica dos "Fatos"
4. Inquérito Policial: uma Forma de Produção da Verdade
5. A Conversão Linguística
6. O Promotor de Justiça e a Construção Jurídica do Fato
7. Como é Feita a Denúncia
8. O Promotor de Justiça e a Formação de seu Convencimento
9. O Promotor de Justiça e a Construção Narrativa do Fato Criminoso
10. O Promotor de Justiça: Classificando Juridicamente o Fato e Produzindo sua Tese Jurídica
11. Conclusões
12. Referências Bibliográficas.

4 - Formação Jurídica E Reforma Universitárianos Cursos De Graduação E Pós-Graduação Em Direito
José Ribas Vieira
1. Introdução
2. Formação Jurídica e Ideologia
3. Reforma Universitária ou "Ranqueamento"
4. Consequências para a Formação Jurídica
5. Conclusões.

5 - Cursos Jurídicos Preparatórios: Espaço de Formação Profissional, Reflexo da Deformação do Ensino ou Reprodução de Ideais Corporativos?
Delton Ricardo Soares Meirelles
1. Introdução
2. Faculdades de Direito
2.1. Fundação dos Cursos Jurídicos
2.2. As Faculdades de Direito na Construção do Estado Brasileiro
3. Cursos Preparatórios
3.1. Origem
3.2. Cursos Preparatórios: Mecanismo de Manutenção das Corporações Jurídicas
4. Conclusão
5. Referências Bibliográficas.

6 - Ensino Jurídico e Produção de Conhecimento: Sobre Monografia Jurídica, Ciência e Verdade
Fernanda Andrade Almeida
1. Introdução
2. A Produção do Conhecimento Científico na Graduação
3. Conclusões
4. Referências Bibliográficas.

7 - Considerações sobre o Problema da Pesquisa Empírica e sua Baixa Integração na Área de Direito: a Tentativa de Uma Perspectiva Brasileira a Partir da Avaliação dos Cursos de Pós-Graduação do Rio de Janeiro
Alexandre Veronese
1. Introdução
2. Visões Distintas sobre a Mesma Palavra: Pesquisa no Direito
2.1. As Análises Acadêmicas sobre o Problema
2.2. O Paradigma Científico Moderno e o Direito
3. A Expansão da Pós-Graduação em Direito e a Pesquisa Empírica
3.1. Uma Análise dos Currículos no Estado do Rio de Janeiro e a Pesquisa Empírica
4. Um Panorama Comparado: o Dilema nos Estados Unidos
5. Considerações Finais: Um Dilema a ser Superado
6. Referências Bibliográficas.

8 - Equação da Contemporaneidade: Dominações + Liberdades = Democracia Contemporânea + Capitalismo Flexível
Daniel Brantes Ferreira
1. Introdução
2. Conceito de Ação Social em Weber
2.1. Relação Social em Weber
3. As Formas de Dominação Weberianas
3.1. Dominação Legal
3.2. Dominação Tradicional
3.3. Dominação Carismática
4. Os Dois Conceitos de Liberdade
4.1. Liberdade Negativa e Liberdade Positiva
5. Democracia e Capitalismo
5.1. Consequências Pessoais do Capitalismo na Democracia
6. Conclusão
7. Referências Bibliográficas.

9 - A Construção Histórico-Social da Ideia de Razão de Estado: Notas Incomuns de Uma Reflexão Atípica
Ricardo Nery Falbo
1. Introdução
2. Para Pensar a Monarquia Feudal
3. Para Pensar a Monarquia Soberana
4. Para Pensar o Principado Novo
5. Para Pensar o Estado Moderno (1)
6. Para Pensar o Estado Moderno (2)
7. Conclusão
8. Referências Bibliográficas.

10 - O Pensamento Jusfilosófico Moderno: da Exegese à Jurisprudência dos Valores
Margarida Maria Lacombe Camargo
1. Introdução
2. A Escola da Exegese
3. A Crítica de François Gény
4. A Escola Histórica do Direito
5. O Formalismo Jurídico na Alemanha
6. O Positivismo Jurídico
7. A crítica de Jhering ao formalismo jurídico alemão
8. A Jurisprudência dos Interesses
9. O Movimento para o Direito Livre
10. O Retorno ao Formalismo com Hans Kelsen
11. A Jurisprudência dos Valores
12. Considerações Finais
13. Referências Bibliográficas.

11 - Jurisprudência Retórica e os Topoi da Decisão da ADI 2240-BA (Criação do Município Luís Eduardo Magalhães)
Fernando Gama de Miranda Netto
1. Introdução
2. Críticas à Tópica Jurídica
3. Ética na Retórica Jurídica
4. O Pensamento Jurídico entre o Argumento de Autoridade e a Autoridade do Argumento
5. A Prudência como Elemento Fundamental da Lógica Jurídica
6. Tópica Jurídica e o Caso Luís Eduardo Magalhães
7. Considerações Finais
8. Referências Bibliográficas.

12 - Neoconstitucionalismo e Pós-Positivismo: entre O Judicial Self-Restraint e o Judicial Activism
Alexandre Garrido da Silva
Fernando Gama de Miranda Netto
1. Introdução
2. Relações Conceituais entre o Neoconstitucionalismo e o Pós-Positivismo
3. Um Significado para Pós-Positivismo
4. Os Dois Sentidos do Neoconstitucionalismo
4.1. A Constitucionalização do Ordenamento Jurídico: a Dimensão Descritiva do Neoconstitucionalismo
4.2. A Aproximação entre Descrição e Prescrição nas Teorias Jurídicas Contemporâneas: a Dimensão Normativa do Neoconstitucionalismo Pós-Positivista
5. Críticas ao Neoconstitucionalismo
6. Neoconstitucionalismo entre o Judicial Self-Restraint e o Judicial Activism
7. Considerações Finais: em Defesa de um Neoconstitucionalismo Aberto ao Pluralismo.

13 - O Debate Metodológico entre Neoconstitucionalismo e Positivismo Inclusivo: Uma Disputa em Torno da Correta Interpretação do Ponto de Vista Interno Hartiano
Rodrigo de Souza Tavares
1. Introdução
2. A Distinção entre Ponto de Vista Interno e Externo
3. Aspectos Metodológicos do Neoconstitucionalismo
4. Aspectos Metodológicos do Positivismo Inclusivo
5. Conclusão
6. Referências Bibliográficas.

14 - Uma Análise da Noção de Casos Difíceis do Direito em um Contexto Positivista
Noel Struchiner

15 - Modelos de Decisão Judicial e Hermenêutica Constitucional: o Supremo Tribunal Federal Entre o Perfeccionismo e o Minimalismo
Alexandre Garrido da Silva
1. Introdução
2. Quatro Modelos de Função Judicial nos Casos Constitucionais Difíceis
2.1. Perfeccionismo
2.2. Modelo Majoritário
2.3. Originalismo
2.4. Minimalismo
3. A Judicialização da Política e o Ativismo Judicial
4. As Teses do Neoconstitucionalismo
5. Neoconstitucionalismo, Perfeccionismo e Minimalismo: o Posicionamento dos Ministros do STF Diante dos Casos Difíceis
5.1. O Caso da Cláusula de Barreira
5.2. O Caso da Fidelidade Partidária
5.3. O 'Caso da Inelegibilidade ou da "Ficha Suja"
6. Perfeccionismo, Minimalismo, Ativismo e Democracia
7. Considerações Finais
8. Referências Bibliográficas.

16 - A Decisão Judicial como Objeto de Análise Filosófica: o Debate "Posner-Dworkin"
Fábio Perin Shecaira
1. Introdução: um Caso Difícil
2. Discussões Conceituais (I)
3. Discussões Conceituais (II)
4. Discussões Normativas
5. Fins vs. Fins
6. Síntese (e Justificação) do Artigo
7. Referências Bibliográficas.

17 - Proposta para um Programa de Metodologia do Direito
Alexandre Garrido da Silva
Fernando Gama de Miranda Netto
Ano: 2011

Edição: 1ª edição

Número de Páginas: 344

Peso: 0,481 kg

Altura: 23 cm

Largura: 16 cm

Lombada: 1,5 cm

Acabamento: Brochura

I.S.B.N.: 978-85-7625-226-9

Código de Barras: 9788576252269

Valor: R$ 9,90





FORMAS DE PAGAMENTO
Cartão de Crédito
Depósito
Boleto Bancário



AJUDA E SUPORTE
Cadastro
Como Comprar
Entrega e Frete
Troca e Devolução
Meus Pedidos
Política de Segurança
FALE CONOSCO
sac@millenniumeditora.com.br
(019) 3229-5588

Vendas na internet
sac@millenniumeditora.com.br
(19) 3305-0439

Atendimento
De segunda à sexta das 8:00h às 18:00h (Exceto Feriados)

 

Millennium Editora Ltda
Av. Marechal Rondon, 473 - Jd. Chapadão - Cep 13070-172 - Campinas - SP - (19) 3229-5588
CNPJ 02.381.094/0001-11
IE 244.618.127.111
Vendas na internet - (19) 3305-0439
© 2017 - Todos os Direitos Reservados à Millennium Editora

9